CREA-AM

Atualizado em 25/03/2020 - 13h19

Histórias que inspiram – Mulheres da Meteorologia: Patrícia Guimarães

Conheça Patrícia Guimarães, meteorologista e cientista, nos conta um pouco sobre a importância da profissão e os desafios que passa.

No último dia 23 de março foi comemorado o Dia Mundial da Meteorologia, uma data simbólica, mas muito significativa, atrai olhares e maior valorização ao profissional, todo ano traz um novo assunto para ser colocado em pauta evidenciando a necessidade do profissional meteorologista.

Data importantíssima, não só para os profissionais que trabalham com meteorologia, mas pra toda a sociedade que reconhece os serviços prestados por eles, conversamos com a meteorologista Patrícia Guimarães, graduada desde 2012, já desenvolveu diversas pesquisas cientificas e hoje trabalha na área operacional de monitoramento e alertas. Ela nos conta que sempre sonhou em ser cientista e após observar e se encantar com a complexidade dos fenômenos atmosféricos decidiu se dedicar a Meteorologia. “Sempre quis ser cientista, a priori escolhi física e fazia meteorologia em paralelo. Após observar e me encantar com a complexidade dos fenômenos atmosféricos decidi me dedicar à área de Meteorologia, que não deixa de ser uma física aplicada.”

Os estudos desempenhados pela meteorologia envolvem as investigações e enumerações de dados com relação ao estado físico, químico e dinâmico da atmosfera, a fim de diagnosticar as causas, os efeitos e o comportamento futuro desses elementos no processo de interação com a superfície terrestre.

Ainda nos dias de hoje é uma profissão pouco reconhecida, mas de extrema relevância para o meio ambiente e o mundo como um todo, ao questionarmos Patrícia sobre o reconhecimento e a valorização da profissão, ela nos diz que ainda há um longo caminho a percorrer “Acredito que temos uma longa jornada pela frente na questão de reconhecimento e valorização, mas já avançamos bastante tendo profissionais altamente capacitados no Estado” E ainda menciona a necessidade das autoridades se atentarem a importância desse profissional, e que percebam a necessidade de mais meteorologistas integrando a linha de frente em prol a sociedade. “É necessário que as autoridades se atentem para importância desse profissional, e que mais meteorologistas estejam integrando a linha de frente em prol da sociedade porque o tempo não para, nem em períodos das maiores pandemias, ao contrário, os desastres ocasionados por chuva intensa podem corroborar negativamente com esse período sensível que estamos enfrentando, ao privar a população que vive em áreas de risco de se isolar em suas residências, além de potencialmente prejudicar o abastecimento de energia elétrica e água.”

Este ano o Dia Mundial da Meteorologia teve como tema “Clima e Água”, a escolha dos temas a serem colocados em pauta evidenciam para a sociedade o quão essencial é o profissional meteorologista, como disse Guimarães “Esses assuntos evidenciam a necessidade do profissional Meteorologista, para o desenvolvimento de modelos de previsão de tempo mais acurados e monitoramento hidrometeorológico, que poderão subsidiar as tomadas de decisões no gerenciamento dos recursos hídricos ao redor do mundo.”

A profissão do meteorologista precisa de mais visibilidade e datas como essas, do dia 23 de março, destaca a importância dessa área de conhecimento para a sociedade e para o mundo, ciência que estabelece previsões sobre o comportamento do tempo, além de promover a evolução dos conhecimentos sobre a atmosfera terrestre.

compartilhar: compartilhar no facebook   compartilhar no twitter



Veja mais

03/04/2020
Crea-AM segue realizando atendimentos remotos
03/04/2020
UEA produzirá EPIs e ventiladores para respiração em UTI no Amazonas
02/04/2020
Engenharia do Amazonas ajuda a recuperar respiradores mecânicos para hospital que atende pacientes com Covid-19
02/04/2020
Confea sugere ampliação de rol de profissionais em edital
01/04/2020
SEJA PERITO JUDICIAL – Rui Juliano abre vagas para curso online de Perícia Judicial
31/03/2020
Conheça o sanitarista Rainier Pedraça de Azevedo e saiba mais sobre a profissão em tempos de Covid-19 e o Congresso Brasil Norte no Amazonas
24/03/2020
Crea Amazonas prorroga prazo para pagamento de anuidades
20/03/2020
Crea-AM e Laboratório Dr. Paulo Reis iniciam tratativas para Termo de Cooperação
25/03/2020
Histórias que inspiram – Mulheres da Engenharia: Kelly Ambrósio